TRATAMENTOS

Principais Tratamentos

Escleroterapia
IMG_6062.jpg

A escleroterapia, também chamada de "aplicação" ou até mesmo de  "queimar vasinhos" é um procedimento médico (pergunte sempre sobre a formação de quem está realizando o procedimento) realizado para o tratamento de vasos sanguineos dilatados ou mal formações, ou seja varizes nos mais diversos tamanhos. Na maior parte dos casos o paciente tem o objetivo estético, porém é utilizado como tratamento da doença venosa.
Um liquidoespumalaser ou termocoagulador é utilizado como esclerosante, injetado ou aplicado sobre a veia, causando uma alteração nas células do vaso fechando-o. Quando o liquido ou espuma continua na circulação e atinge vasos maiores é diluido pelo sangue e perde seu efeito. O laser funciona apenas em um comprimento de onda, ou seja, ele possui um alvo, no caso a hemoglobina das células vermelhas. Ao atingir a hemoglogina, aumenta a temperatura local, a ponto de ebulição, fechando o vaso por causa do calor.

Crioescleroterapia
7717319f-86ad-4122-b9f2-9b8bbd3163e4.jpg

É um tipo de aplicação em que o líquido extremamente gelado é injetado nos vasinhos da perna em associação a um resfriamento da pele através de um aparelho que atenua a dor, o que melhora os resultados e deixa menos equimoses – roxos. Este é um tratamento ambulatorial, não requer repouso nem a suspensão da atividade física. Pode ser feito para vasinhos e, em alguns casos, em varizes reticulares. Nos casos de grande quantidade de microvarizes e de vasos pode-se realizar a crioescleroterapia ampliada, o que, em algumas situações, pode evitar cirurgias.

Escleroterapia com Espuma
escleroterapia-com-espuma.jpg

A escleroterapia com espuma densa é um tipo de tratamento que elimina completamente as varizes e os pequenos vasinhos. A técnica consiste em aplicar uma substância esclerosante chamada Polidocanol, em forma de espuma, diretamente nas varizes, até que estas desapareçam.

A escleroterapia com espuma é eficaz nas microvarizes e varizes de até 2 mm, eliminado-as completamente. Nas varizes de maior calibre, este tratamento pode não dar o melhor resultado, mas é capaz de diminuir o seu tamanho, sendo necessária mais de 1 aplicação na mesma variz.

É importante que esse procedimento seja realizado após indicação do cirurgião vascular para evitar a ocorrência de complicações.

Radiofrequência
IMGL6347-copy.jpg

Essa técnica da radiofrequência é utilizada para melhorar a estrutura da pele e indicada em casos de estrias brancas, rugas finas, flacidez da face, melhora de textura da pele, cicatrizes (acne, cirúrgicas, traumáticas) e fotoenvelhecimento (envelhecimento provocado pelo sol), além de auxiliar na deposição de substâncias terapêuticas nas camadas mais profundas da pele.

As Vantagens:
– O tempo de procedimento é curto e dura em torno de 30 minutos, tendo normalmente de 2 a 4 sessões para fazer o procedimento, com um intervalo de 1 mês entre elas.

– O pós-procedimento também é tranquilo e tem uma recuperação muito rápida, bem como o retorno do paciente às atividades.

– O resultado do tratamento é duradouro, já que ocorre uma regeneração progressiva do colágeno nos meses seguintes à sessão.

PROCEDIMENTOS DA CLÍNICA

Doppler colorido de carótidas e vertebrais
IMG_6062.jpg

A USG das artérias carótidas e vertebrais é um tipo de ultrassom (ou ecografia) vascular que estuda a velocidade e direção do fluxo de sangue das artérias, com o objetivo de avaliação do bloqueio (oclusão) ou estreitamento (estenose) das artérias. Também podemos detectar a presença de aterosclerose da parede e identificar estruturas que podem perturbar o fluxo de sangue através das artérias, como trombos (coágulos de sangue) e placas (acúmulo de material de gordura). O exame fornece informações importantes da espessura da parede do vaso e as características das placas nos vasos.

Este exame é essencial no diagnóstico e condução dos acidentes vasculares encefálicos. Quando as artérias carótidas ou vertebrais ficam ocluídas parcialmente, os pacientes podem apresentar sintomas transitórios de confusão mental, perda da visão, perda da fala ou dos movimentos, além de tonturas. Os sintomas descritos são importantes alertas para um acidente vascular encefálico. A USG com doppler colorido de carótidas e vertebrais é um exame indicado para avaliação dos vasos cervicais após suspeita de quadro isquêmico cerebral ou quando o médico ausculta um sopro sobre a artéria carótida, indicando uma possível alteração no fluxo da mesma.

Doppler arterial e venoso
doppler-ultrassom-perna.jpg

O Doppler Arterial e Venoso é um exame não invasivo, que permite a avaliação dos distúrbios circulatórios nos membros superiores e inferiores e tem um tempo médio entre 20 a 40 minutos. Este exame não necessita de qualquer preparação, indicação prévia e não traz complicações ou outros efeitos secundários.

Este tipo de exame tem como objetivo detetar placas de gordura nos vasos sanguíneos, obstruções congénitas e aneurismas. Permite a apreciação da estrutura do vaso (dimensão e existência de lesões) e a avaliação do fluxo do sangue, nomeadamente direção e velocidade.

A análise da circulação sanguínea traz importantes informações sobre o funcionamento dos órgãos, permitindo o diagnóstico atempado de diversas doenças de ordem vascular.

O exame Doppler Arterial e Venoso é um exame utilizado no diagnóstico das seguintes situações:

  • Varizes

  • Tromboses venosas

  • Aneurismas

  • Doença arterial obstrutiva periférica (membros inferiores)

  • Doença carotídea (estudo de AVC)

Por ser um exame indolor e rápido, após o exame pode ser prosseguida a atividade diária normal.

FALE COM A GENTE!

Envie sua mensagem e tire suas dúvidas sobre o atendimento.
A equipe do Dr. Marcelo é treinada e bem preparada para te atender.

AGENDE POR TELEFONE

(73) 3617-0011

AGENDE POR WHATSAPP

(73) 98891-5859

Logos Whatsapp.png

Obrigado pelo envio!